O Que é um Mapa Mental?

Seguindo com a PNL, vamos falar um pouco sobre os mapas mentais.
Quero lembrar que TUDO o que é postado neste blog tem como OBJETIVO trilhar caminhos para o sucesso, PNL é uma ferramenta poderosíssima se bem aplicada, eu tenho cerca de 44 exercícios diferentes de PNL e podem apostar que vale a pena se interar sobre este assunto.
Farei alguns post's introdutórios e em breve colocarei os melhores exercícios.

O primeiro pressuposto é: O mapa não é o território.

Um mapa rodoviário ou o cardápio de um restaurante podem ajudá-lo a achar o seu caminho em uma cidade ou escolher uma refeição. Mas, eles são fundamentalmente diferentes da estrada que você tomar ou do prato que lhe servirem.
Meses ou, quem sabe, muitos anos atrás, cada motorista estudou o seu mapa, tentou alguns itinerários diferentes e estabeleceu o melhor caminho para ir do trabalho para casa e vice-versa. Desde então, na sua maioria, estes motoristas vêm fazendo a mesma rota todos os dias. Nesse meio tempo, novas vias de conexão e afluentes foram acrescentadas. A não ser que eles tenham se disposto a atualizar os seus mapas "mentais", haverá necessariamente discrepâncias entre estes mapas e o território. Isso não vai importar muito, até que o dia em que começarem a fazer obras naquelas ruas. O trânsito ficará lento até quando os motoristas com mapas mais antigos despertarem do seu torpor mental e descobrirem que possuem apenas alguns caminhos, não tendo idéia das diversas alternativas disponíveis. Enquanto isso, os motoristas com um mapa mais novo e completo, com muitos caminhos e alternativas, já tomaram a saída anterior e continuam a sua viagem.

Todos nós tivemos decepções na vida que mais tarde se revelaram não ser tão importantes quanto pensamos na época. As pessoas costumam dizer que "mudaram com o tempo", mas não foi a passagem do tempo que as fez mudar. Foi a maneira como elas se lembram dos acontecimentos que mudou.

Outro mapa mental importante são os positivos e negativos.
Em quase todas as conversas, você ouve as pessoas dizendo coisas como, "Não se preocupe" ou "Não pense nisso". Pare e pense um pouco. Se lhe disserem, "Não pense naquele urso grande e preto", o que acontece imediatamente na sua cabeça? Ora, apesar do que ouviu, você vai se descobrir pensando no urso grande e preto. O mesmo tipo de coisa se passa quando lhe dizem, "Não pense neste problema". Nossas mentes simplesmente não sabem colocar as coisas em uma linguagem negativa.

Tendemos a pensar no que não queremos fazer e, em seguida, muitas vezes, começamos a fazê-lo.

Pense em uma frase negativa que você vive dizendo a si mesmo e experimente transformá-la em afirmativa, agora.

Primeiro, transforme o que você quer e o que pensa a respeito em uma frase afirmativa.
Segundo, torne mais vívida à imagem mental do que você quer fazer, e que ela fique ainda mais atraente para você. E, (terceiro), associe-se a estes comportamentos bem-sucedidos e ensaie-os realmente, para que lhe pareçam naturais.

Interessante não, eu particularmente fico muito animado quando vejo um mundo novo a minha frente com muitas e muitas possibilidades novas de crescimento.

A informação existe e está disponível, só precisamos organizar nossa informação e direcioná-la para nosso sucesso.
Estamos juntos nessa caminhada.

Grande Abraço a Todos.

2 comentários:

Danilo Neto disse...

Julio, coloque aqui o nome do livro, gostei muito do artigo.

Abraços,

Danilo.

Eli disse...

Ola, Julio, gostei do artigo! Estou entrando agora, vou ler os anteriores com o tempo. Pena ter parado em SEtembro/2009. Ja estamos em Janeiro/2010. Vou ter oque ler, mas e depois?rs.

BlogBlogs.Com.Br