O tempo pode parar...



Ouvindo essa música legal... tendo papos agradáveis com pessoas diferentes...

Talvez o mundo esteja acelerado demais... talvez não...

O agora é a unica constante que me vem a mente...

Aprender algo novo todo o dia se tornou parte do meu ser...

Esse fim de semana eu aprendi algo novo... e ontem ao fim da tarde achei que tinha colocado tudo a perder...

Pensei: Fui um idiota... falei coisas desconexas e fiquei com cara de interrogação... por fim... parei de falar... o ato desajeitado tinha seu desfecho, muito diferente do que eu imaginava...

Acordei hoje e pensei... estou aqui agora... que bom seria se eu pudesse concertar aquela tentativa desajeitada de explicar algo sem explicação...

Que tal se pensarmos na solução ao invés dos problemas?

Que tal deixar as diferenças de lado só por hoje e entender que as diferenças são diferentes formas de ver o mundo e que as diferenças foi a forma do cara lá de cima deixar claro pra gente...

VOCÊ É ÚNICO... NÃO HÁ NINGUÉM IGUAL A VOCÊ NESSE MUNDO...

Que tal se você entender isso e dizer: Ok, ganhei a chance de estar aqui, bem... aqui estou eu... agora é comigo... passa a bola romário que agora EU vou fazer o gol...

Você pode fazer algo, desde que acredita que pode.

Penso que consegui amenizar o ato desajeitado... e de fato o ato se tornou um momento, um breve momento para se lembrar... de que nunca é tarde para fazermos algo... e que a mente não precisa entender tudo e sim o coração precisa sentir o que é o melhor a fazer.

Pessoas entram e saem de nossas vidas, sempre deixam dois tipos de aprendizado... aquele que procuramos, aprendemos e melhoramos... e aqueles que não fazem sentido ou que não serve para nada... e por fim aquele encontro foi em vão...

Quem sabe só por hoje, você possa pensar em uma situação e ver a vida pelo lado positivo e falar: Hey, aqui há algo de bom para tirar disso tudo...

No contexto desconexo dos atos desajeitados vou seguindo minha vida de aprendizados e ações que geram impactos positivos na vida de quem cruza o meu caminho.

Só por hoje eu acredito que você pode, se você também acreditar que pode.

Você sabe que isso foi escrito para você, e para ninguém mais.

Sigamos nossas vidas... errando e aprendendo... porém... VIVENDO.

Beijos e abraços a todos.

1 comentários:

Camila Leite disse...

Esse fim de semana eu aprendi algo novo... e ontem ao fim da tarde pude perceber como existem pessoas maravilhosas... que aparecem em nossas vidas sem explicação... apenas aparecem!

Pensei: Palavras que pareciam desconexas, foram tomando forma aos poucos e nesse momento pude aprender: há coisas que não entendemos, apenas sentimos. O ato que parecia desajeitado se tornou mágico e simplesmente inesquecível!

Apesar de tentar entender algo que não tinha explicação... eu consegui apenas sentir... algo incrível!
Realmente não há ninguém igual a você nesse mundo... você é tão diferente de tudo e de todos.

O ato que parecia desajeitado se tornou um momento para nunca mais se esquecer: de que mesmo que a mente não entenda... o coração sente!
E com certeza há algo bom para se tirar de tudo isso... como aprender que tudo que é bom, deixa saudades.

Enfim... neste contexto desconexo dos atos desajeitados que cruzou em meu caminho... mudou imensamente o meu ser.
Assim sigo minha vida... errando, aprendendo e vivendo, digo mais... vivendo com a esperança de que o futuro nos guarda algo de bom... algo que eu espero e desejo!!!


Suas palavras tocam meu coração... são simplesmente incríveis!

Apesar de confuso... escrevi o que dizia meu coração!
Obrigada por tudo isso...

"o melhor abraço de todos"

Beijos querido

BlogBlogs.Com.Br