MUDE

Poema de Edson Marques - Mude 


Mude.
Mas comece devagar, porque a direção é mais importante que a velocidade.
Sente-se em outra cadeira, no outro lado da mesa.
Mais tarde, mude de mesa.
Quando sair, procure andar pelo outro lado da rua.
Depois, mude de caminho, ande por outras ruas, calmamente, observando com atenção os lugares por onde você passa.
Tome outros ônibus.
Mude por uns tempos o estilo das roupas.
Dê os teus sapatos velhos. Procure andar descalço alguns dias.
Tire uma tarde inteira pra passear livremente na praia, ou no parque, e ouvir o canto dos passarinhos.
Veja o mundo de outras perspectivas.
Abra e feche as gavetas e portas com a mão esquerda.
Durma do outro lado da cama...
depois, procure dormir em outras camas.
Assista a outros programas de TV, compre outros jornais... leia outros livros.
Viva outros romances.
Não faça do hábito um estilo de vida.
Ame a novidade.
Durma mais tarde. Durma mais cedo.
Aprenda uma palavra nova por dia numa outra língua.
Corrija a postura.
Coma um pouco menos, escolha comidas diferentes,
novos temperos, novas cores, novas delícias.
Tente o novo todo dia, o novo lado, o novo método, o novo sabor, o novo jeito, o novo prazer, o novo amor, a nova vida.
Tente.
Busque novos amigos.
Tente novos amores.
Faça novas relações.
Almoce em outros locais, vá a outros restaurantes, tome outro tipo de bebida, compre pão em outra padaria.
Almoce mais cedo, jante mais tarde ou vice-versa.
Escolha outro mercado... outra marca de sabonete, outro creme dental...
tome banho em novos horários.
Use canetas de outras cores
Vá passear em outros lugares.
Ame muito, cada vez mais, de modos diferentes.
Troque de bolsa, de carteira, de malas, troque de carro, compre novos óculos, escrevas outras poesias.
Jogue fora os velhos relógios, quebre delicadamente esses horrorosos despertadores.
Abra conta em outro banco.
Vá a outros cinemas, outros cabeleireiros, outros teatros, visite novos museus.
Mude.
Lembre-se que a vida é uma só.
E pense seriamente em arrumar um novo emprego, uma nova ocupação, um trabalho mais light, mais prazeroso, mais digno, mais humano.
Se você não encontrar razões para ser livre, invente-as.
Seja criativo.
E aproveite para fazer uma viagem despretensiosa, longa, se possível sem destino. 
Experimente coisas novas.
Troque novamente.
Mude, de novo.
Experimente outra vez.
Você certamente conhecerá coisas melhores
e coisas piores do que as já conhecidas. 
Mas não é isso o que importa. 
O mais importante é a mudança, o movimento, o dinamismo, a energia.
Só o que está morto não muda!


---------------------------------------------------------------------------------------------------


Refletindo sobre o movimento da vida, entendi que só não muda o que já está morto.
Tudo é movimento... a todo momento milhões de estrelas e asteróides estão se chocando no universo, suas células estão em movimento, assim como os átomos, assim como as águas dos rios que desembocam no mar em movimento, assim como os olhos, o peito e até o ar dançam se movendo.
O que constrói alicerses fortes é o movimento.
O que levanta edificações que arranham o céu é o movimento.


A VIDA SE MOVE OU SE ARRASTA.


Se move para o direcionamento do nosso pensamento...
Se arrasta para baixo da terra no desconforto sem movimento.


Movimento.


Nada menos do que estar em movimento interessa.


#Arrebenta

8 comentários:

Rafaela M. disse...

Certa vez escrevi em meu blog sobre a mudança.
Engraçado ver como muitas pessoas temem as mudanças, fazendo da vida uma rotina, enquanto outras são como a famosa "metamorfose ambulante".
Mudar faz parte da vida... alguns encaram isso, outros não. E Não devemos temer algo que já faz parte da vida...
É nas pequenas mudanças que moram as possibilidades de uma grande mudança... uma mudança para melhor!
Por isso é que devemos começar pelas coisas mais pequeninas... para poder alcançar as mais grandiosas...
Mudei muito de uns tempos pra cá, e cada vez mais vejo quanto posso mudar para melhor, o quanto posso mudar minha vida. É só seguir com pensamento positivo, um propósito. Seguir com o seu movimento, que tudo dará certo.

Maria disse...

"Engraçado ver como muitas pessoas temem as mudanças"
Sim, eu tinha medo da mudança! Ainda tenho, para ser bem sincera. Sair do seu mundinho seguro, da sua zona de conforto, traz muitas dúvidas, afinal pode dar certo ou pode dar errado. Mas não dará nada, se não tentarmos.
Estou aprendendo a conviver com o meu medo (domá-lo, seria a palavra certa?) porque aprendi que não posso fugir da mudança. Essa palavrinha, que antes me assustava muito, é inevitável!
Podemos ignorá-la simplesmente, fingir que ela não existe. Ou acompanhá-la. Como a Rafaela disse, mudar para melhor!
Se é inevitável, por que não tirar proveito disso? Por que não descobrir outras maneiras de fazer algo? Outros pontos de vistas, para te acrescentar mais informações?
Eu percebi que preciso aceitar a mudança e aprender a seguir com ela.

@jeeziin disse...

"Engraçado ver como muitas pessoas temem as mudanças"

ultimamente ando me sentindo assim, com medo mesmo. O fato de ir viajar pra longe por tanto tempo me deixa assustada. Mas se é pra ser então que seja da melhor forma, que a gente faça acontecer da melhor forma possível. E se der errado, se a gente quebrar a cara, aprenderemos e seguiremos em frente.

E é como a Maria disse...
"Eu percebi que preciso aceitar a mudança e aprender a seguir com ela"


Um Beijão e uma ótima semana!

JuLio Lussari disse...

Rafitcha,

As pessoas temem mudança porque algum ser humano a trossentos mil anos atrás ficou com medo e tentou bolar uma forma de se sentir seguro.
Não podemos negar que a criação é contínua. A natureza não para de criar, e a todo momento algo está morrendo e dando lugar para algo nascer.

Não existe segurança... isso é mera ilusão. O que podemos é viver no presente, cuidando para que nossa vida se mantenha viva. O resto, é fazer acontecer e quebrar tudo.

Várias pequenas mudanças geram uma mudança enorme...

Eu comecei a escrever no blog pra poder fortalecer essas mudanças em mim, hoje, tem 100 pessoas perseguindo essas mudanças e não tenho dúvidas que nos próximos anos esse número passará dos milhares.

As pessoas evoluem sozinhas ou por associação. Se associam a grupos, escolhas, idéias e assimilam aquilo pra suas vidas... Por isso que daqui pra frente o mundo será mais colaborativo e mais pessoas trabalharam em torno de um mesmo ideal.

Como vc disse: Propósito, Atitude Mental Positiva eeeee AÇÃO!

JuLio Lussari disse...

Mariaaaaaaa,

O friozinho na barriga vem quando as borboletas estão voando em todas as direções.
O medo diminui quando você o compreende, aceita, inclui e o deixa ir...
Compreender do que se está com medo é uma ótima oportunidade pra diminuir o tamanho do bicho-papão.
Aceitar que você tem aquele medo... aliás, que todos temos medo.
Incluir... Você pode dizer a si mesma que você inclui aquele medo, mas que você o domina... que você se mantém no controle da situação.
E deixá-lo ir... para que então as borboletas voem todas na mesma direção...

Fico feliz de ver mais comentários seus por aqui...
É muito interessante ver os questionamentos que vocês se fazem... E são essas perguntas que começam a trilhar um caminho de busca e de prosperidade.

Beejooo

JuLio Lussari disse...

Jez,

Após alguns posts em seu blog, twitters e conversas, te questiono:

A sua lista de coisas positivas que vão acontecer nessa viagem de um ano já tem mais de 50 itens?
Não?
Não escreveu a lista ainda?

Em um ano você poderá fazer mais coisas do que já fez até hoje... mas não espere que essa jornada seja uma caixinha de surpresa... Estabeleça pontos e objetivos para que você consiga mensurar o sucesso dessa estrada.

Sempre precisamos de um norte... um lugar no horizonte para o qual caminhar.
Sempre que tomamos uma estrada, mesmo não conhecendo o caminho, supostamente sabemos onde queremos chegar.

Tenho certeza de que a oportunidade que você tem pela frente, não deve ter mais do que 10 pontos negativos.... mas lista de pontos positivos pode ultrapassar facilmente 50 pontos diferentes.

Nós somos aquilo que pensamos e mantemos em foco.

Vai ser o melhor ano da sua vida... se assim você quiser e o fazer.

Busque os pensadores do pais que você irá, tente entender a forma deles pensar... quais eram seus medos e seus ideais. Leve isso em seu coração de forma que isso faça parte da sua vida e da formação de seu caráter.

E então eu te pergunto: Quem brilha?
E então eu respondo: Você brilha, o seu futuro brilha...

Nada menos do que um futuro brilhante interessa...

#Arrebenta

Lari disse...

Primeiro: concordo com o que você disse pra Jéh. ¨Vai ser o melhor ano da sua vida... se assim você quiser¨.
É sempre assim quando queremos. E cada vez melhor.
Faz uns 5 anos que eu estipulei que cada ano seria melhor que o outro. E venho me surpreendendo com os resultados.
Nós brilhamos, Jeh. Mostra pra Europa esse seu brlho que tudo dará certo. ;)

Sobre o post. Posso te corrigir? O poema ¨Mude¨ é de autoria do queridíssimo Edson Marques, com quem tive a oportunidade de manter contato (virtual) em 2004.
Excelente pessoa, escritor, filósofo.
Esse poema tem participação fundamental em uma fase de transição da minha vida que foi bastante difícil. E, nesse momento, foi uma das coisas simples que me deu forças pra continuar.

Mudanças.
Como você disse, somos feitos da mais pura energia. E se existe uma definição pra energia é essa: dinamismo, troca, permuta.
E, se somos feitos de energia, e energia é dinamismo, porque tememos tanto a mudança?
Simples... porque desconhecemos nossa própria natureza.
E por que desconhecemos nossa própria natureza?
Porque hoje, em um mundo com tantas distrações, acabamos nos esquecendo de olhar para dentro, para nos reconhecermos.

Antes de mudar, se reconheça.
E é por isso que Edson Marques explica que a mudança deve começar devagar, ¨pois a direção é mais importante que a velocidade¨.
E, para se obter a direção, somente através do conhecimento de si próprio.

Como conhecer a si próprio? Vivendo. Experimentando. MUDANDO.

Percebe o ciclo?

E é por isso que, na natureza, nada se perde, nada se cria, tudo se transforma.
Portanto... MUDE!

Nada menos que a mudança me interessa! ;)

JuLio Lussari disse...

Lari,
Nada melhor do que palavras de incentivo para inflar a nossa confiança e determinação de fazer diferente.

Quanto a correção, já alterei no post.
O site que eu peguei, dava a autoria a outra poetiza.
Esse poema é muito bom e deve ser lido com frequência.

Sobre as mudanças e o desconhecido:
Acredito que os grandes pensadores tinham algo em comum em mente: Tudo está em constante mudança e o desconhecido é fascinante.
Por isso os buscadores conseguem extrair a raiz das questões, porque sempre estão em busca do desconhecido até que ele se torne conhecido.

Como você disse... é um ciclo... a vida é feita de ciclos de 7 anos onde em cada uma das fases você atinge o cume da montanha para poder visualizar vales e planícies que você se deparará nos próximos 7 anos. Quando você passa a viver a vida assim, não haverá caixinha de surpresa e revezes enormes na vida... pois você estará ciente da situação.

Tudo se transforma... e vocês tem transformado esse blog numa felicidade diária para mim.

Recebam a minha gratidão... #SUASLINDAS.

Nada menos do que todo mundo evoluindo me interessa.

#Arrebenta

BlogBlogs.Com.Br